O Que É E Como Se Desenvolveu O E-sport Games

por em: , , , ,

Exemplos de E-Sport Games.

Lembro um pouco saudoso dos tempos em que dezenas de pessoas varavam a madrugada em uma lanhouse competindo no Counter Strike 1.6 pelo dinheiro das inscrições, que chegava no máximo a uns 150 reais. Não que aqueles tempos fossem melhor para o cenário competitivo nos games, o saudosismo é meramente sentimental já que hoje equipes disputam torneios com premiações às vezes maior até do que um milhão de dólares!

O cenário do e-sport nunca esteve tão competitivo e global quanto agora com jogos como Dota 2, League of Legends e Starcraft II. Como podemos ver, ao menos atualmente, os jogos mais populares são os de estratégia em tempo real e ação, não mais os shooters que dominaram a primeira década dos anos 2000.

Aliás, antes de 2000, apesar da existência de cenários competitivos regionais, as competições e torneios eram bem amadores, não havia o profissionalismo atual, que só foi possível se desenvolver graças ao aperfeiçoamento e desenvolvimento da própria indústria dos games, atual patrocinadora e diretamente interessada no e-sport.

E-sport2

Se formos analisar bem, nos dias de hoje a indústria por trás da produção tanto de hardware quanto de software focado em jogos eletrônicos é superior em termos de movimentação financeira e lucro a indústrias centenárias como Hollywood. Não era difícil de imaginar que em algum momento jogos competitivos patrocinados por essas empresas alcançassem o status de equipes e players ao nível de profissionais e mesmo celebridades.

Leia+  Mulher Robo

Na Ásia desde os anos 2000 os jogos passaram a ser considerados como esporte eletrônico, com profissionais e amadores como em qualquer outro esporte. Por exemplo, na China equipes profissionais têm que se cadastrar numa espécie de federação de e-sport se quiserem competir dentro e fora do país em grandes torneios. Jogos como Dota 2, LoL e Starcraft II são considerados oficialmente como e-sports competitivos. Acontece algo parecido na Coréia do Sul e Japão, países que contam mesmo com canais de TV transmitindo ao vivo os maiores torneios.

E-sport3

Existe até uma Federação Internacional de E-sport, sediada na Coréia do Sul, fundada em 2008, cujo objetivo é lutar mundialmente pelo reconhecimento do e-sport como um esporte e também pelo reconhecimento profissional dos players.

Embora a Europa tenha perdido espaço no protagonismo nos esportes tradicionais e na economia, junto com a Ásia é o continente com mais destaque no E-sport, com cenário competitivo extremamente influente. A América do Norte tem sempre boas equipes, mas com desempenhos inconstantes e a América do Sul aos trancos de barrancos tenta desenvolver seus cenários regionais e estruturar uma boa organização competitiva. Já na Ásia os players profissionais bem sucedidos são literalmente astros como qualquer cantor ou jogador de futebol famoso, por exemplo.

E-sport4

Em geral os campeonatos de e-sport funcionam em duas categorias: Online e Lan. Ou seja, online, com as equipes jogando a distância conectadas na internet e lan, próximas uma da outra, com os computadores conectados diretamente entre si, o que faz com que em teoria não exista nenhum lag. Alguns torneios misturam as duas categorias, com uma fase classificatória online e as finais em lan.

Leia+  Pokémon Go Download: Lançamento No Brasil

Embora existam torneios para consoles de mesa e vídeo games portáteis (como o de Pokémon), o cenário realmente competitivo é nos jogos de computador. No entanto as mudanças no e-sport são rápidas e constantes, não dá para saber o que daqui a seis meses será a nova tendência e o que perderá peso competitivo. Apenas uma coisa é certa: o E-Sport se estabelece cada vez mais como um caminho profissional inquestionável como qualquer outra categoria de esporte.

  • Facebbok
  • Twitter
  • Google +
  • Comentários
  • Total

! 1 comentário até o momento

Escreva O Seu Comentário!

Ficou com alguma dúvida?
Tem uma crítica construitiva ou uma sugestão maneira?
Escreva ai embaixo, mas não maltrate o português, por favor!

  1. Anderson Henrique de Freitas Etgeton comentou: responder

    muito bom sua matéria muito focada no assunto que merece sim a atenção de nos jovens e todo o publico que queira entrar nessa nova modalidade de esportes !! ta de parabéns