Conheça A História Do Emulador MAME

por em: , , , ,

Quem já era gamer na década de 70, 80, 90 e 2000, com certeza teve se lembrar dos famosos “arcades” (ou fliperamas, como eram conhecidos por aqui). Essas máquinas faziam a alegria da criançada onde quer que estivessem instaladas. Visando reviver esses momentos áureos, um italiano criou o MAME, um software destinado a emular com fidelidade os jogos daquela época e matar as saudades daqueles bons tempos.

MAME: emulador de jogos arcade com sua bela logo

MAME é a sigla para “Multiple Arcade Machine Emulator” que, em tradução direta, significa “Emulador de Múltiplas Máquinas de Arcade”. Seu modo de funcionamento é muito fácil de entender já que o programa atua como um simulador para diversas plataformas. Para rodar um game, é preciso ter uma ROM (conjunto de dados extraídos do chip original do arcade) e fazê-la rodar no MAME. Dessa forma, o software funciona como um hardware para o jogo executar como se estivesse em um arcade de verdade.

Conheça A História Do MAME E Entenda Como O Programa Nasceu

No final do ano de 1996, o programador italiano Nicola Salmoria havia criado um emulador para várias plataformas diferentes para rodar jogos antigos. No começo ano seguinte, o entusiasta resolveu reunir todas as suas criações em um único software e batizá-lo de Emulador de Múltiplas Máquinas de Arcade. O MAME tinha nascido e seus primeiros passos já haviam sido dados.

Leia+  Como Usar E Configurar O Emulador De Super Nintendo ZSnes

Fliperama rodando MAME diretamente na tela.

Com uma versão oficial lançada no dia 5 de fevereiro de 1997, o MAME, desde então, cresceu em proporções gigantescas, adquirindo muita fama e prestígio com seu código aberto e a possibilidade de ter seu funcionamento melhorado pela comunidade. Hoje, o MAME tem suporte para plataformas como o Windows, Linux e Mac OS e conta com uma biblioteca enorme de mais de 8 mil títulos.

Como Rodar Os Games De Arcade No MAME Em Meu Computador

Os administradores do MAME deixam bastante claro que a proposta principal do projeto é garantir uma forma de manter os belíssimos jogos antigos longes do esquecimento total. Oferecendo uma plataforma para aproveitá-los com fidelidade, o programa consegue manter aceso o sentimento de alegria que muitos experimentaram quando mais jovens.

Jogos clássico de MAME e seus personagens.

Apesar disso, o MAME também possui políticas sérias contra a pirataria. Em seu código, aberto para todo público, não há conteúdo de jogos ou informações protegidas por direitos autorais. Além disso, o site oficial do projeto afirma que não compactua com nenhum tipo de uso indevido e que para jogar algum game a partir de sua ROM, é preciso possuir o cartucho original.

Quem pretende contornar esse “problema” da falta de ROMs com a ajuda da internet, vai achar uma enxurrada de sites que fornecem, através de meios alternativos, os arquivos necessários. Com o MAME em seu computador e com a ROM em mãos – um arquivo compactado que não precisa ser descompactado – é só executar o programa, rodar o jogo e partir para o abraço – ou melhor, para a jogatina,

Leia+  Gemei X760

Minecraft Pirata

! 1 comentário até o momento

Escreva O Seu Comentário!

Ficou com alguma dúvida?
Tem uma crítica construitiva ou uma sugestão maneira?
Escreva ai embaixo, mas não maltrate o português, por favor!

  1. Alex Game comentou: responder

    Adorei saber a origem do MAME, pois sou amante dos jogos de Arcade. Parabéns pela postagem.