Seria A Decadência Do JRPG Realidade Ou Mito?

por em: , , , ,

JRPG 1

Há muito se discute a decadência do JRPG, vulgo: RPGs japoneses. Até onde essa decadência é real ou fictícia? Alguns críticos tentam, por exemplo, explicá-la como um sintoma da estagnação financeira que o Japão entrou desde o final dos anos 80 e permanece até os dias de hoje, outros culpam o provincianismo das empresas que não lançam mais seus jogos para o ocidente.

A verdade é que o problema econômico nunca afetou negativamente a área criativa, ao qual todo tipo de entretenimento está inclusa. Se olharmos para períodos de crises da história mundial como o final dos anos 20 e o final dos anos 60 o efeito foi contrário. As pessoas começaram a procurar maneiras diferentes de ganhar dinheiro, desenvolvendo em nível industrial o cinema e a música.

Porque com os jogos eletrônicos seria diferente? Não estou dizendo que a economia não afeta o desenvolvimento dos jogos, afinal, se trata de um nicho de produção industrial, mas não pode nunca ser considerado o fator único e definitivo.

Se A Culpa Não É Da Economia, Então Seria De Quem?

É fato que empresas que anteriormente eram das mais poderosas do mundo na produção de jogos, como Square-enix, entraram em declínio e tiveram que se adaptar ao mercado ocidental. No entanto, se analisarmos mesmo os JRPGs do SNES, podemos perceber que a temática estrangeira sempre esteve presente nos jogos criados no ocidente. Máquinas, regimes autoritários, o sonho de consumo industrial… vale lembrar que após a Segunda Guerra Mundial o Japão se tornou quase que uma província dos EUAs e por isso absorveu todos os seus vícios ao lado das virtudes.

Leia+  Stronghold Kingdoms: Download E Dicas De Como Jogar Grátis

JRPG 2

Então dizer que as produtoras japonesas passaram a se “ocidentalizar” após a decadência do JRPG é uma grande besteira. Elas sempre foram ocidentalizadas, embora tentassem sempre mostrar também elementos da cultura oriental.

Particularmente acredito que as pessoas estão um pouco histéricas quando começam a falar da morte do JRPG ou da vitória do ocidente sobre o oriente – essa vitória aconteceu há décadas. O ocidente foi ENSINADO pelo oriente a criar RPGs eletrônicos e adaptou seus elementos para relevar conteúdos próprios, assim como o Japão já havia feito com a cultura norte-americana.

JRPG 3

O grande problema que tem se dado atualmente é realmente a distribuição dos jogos, não acho que eles diminuíram, nem que a qualidade está inferior a outras épocas, o que ocorre é simplesmente que eles não tem mais chegado até nós no ocidente.

As empresas por trás dos consoles, tirando a Nintendo, têm todas suas sedes centrais no ocidente. Isso não é mero detalhe geográfico, significa que o oriente perdeu espaço em todos os gêneros dos jogos eletrônicos, talvez o que melhorasse o JRPG seria a distribuição de jogos para PC, talvez em acordo com empresas como a Valve ou outras.

Ou seja, parem de dizer que o JRPG está morto, vocês apenas não estão mais conseguindo vê-lo porque ele está do outro lado do mundo.

  • Facebbok
  • Twitter
  • Google +
  • Comentários
  • Total

! Seja o primeiro a comentar!

Escreva O Seu Comentário!

Ficou com alguma dúvida?
Tem uma crítica construitiva ou uma sugestão maneira?
Escreva ai embaixo, mas não maltrate o português, por favor!